Skip to content

DEPOIS DE 16 HORAS “NESSE MAR” DE LAMAS, VILA VELHA VOLTA A RESPIRAR

28 de abril de 2011
As comportas não dão conta: sem drenagem em Vila Velha, a água "brota" de todos os cantos dentro de casa

A cama já acabou nas últimas enchentes; o colchão trepado em cima de estrado improvisado, agora dá lugar às coisas que sobraram da inundação

Sitio Batalha, , em Vila Velha, esquina das ruas Félix de Azevedo com Paulo Uchoa

As águas baixaram em Vila Velha no final da tarde desta quinta-feira, dia 28, mas deixaram um mar de estragos atrás de si. Moradores do Sítio Batalha tiveram de enfrentar o mar de lamas para desentupir as bocas de lobo tomadas de entulhos das obras da Cesan e do viaduro próximo ao shopping Praia da Costa. Só assim as águas baixaram.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: