Skip to content

BANCADA NÃO ACEITA “FORASTEIRO” NA CODESA

27 de maio de 2011

A bancada capixaba no Congresso Nacional não vai aceitar a indicação de um “forasteiro” para dirigir a Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa). De acordo com informações da Agência Congresso, uma posição de consenso neste sentido foi tirada essa semana pelos deputados e senadores do Espírito Santo.

Uma parlamentar do Estado, que prefere não se identificar, diz que os gestores de fora não conhecem a realidade portuária capixaba e acabam prejudicando uma atividade estratégica para o desenvolvimento do Espírito Santo.

As informações de que o nome de Bruno Pinheiro, do Ministério dos Portos, seria aprovado para a presidência da Codesa na reunião desta sexta-feira, 27, do Conselho Administrativo acabaram não se confirmando. Atribui-se o fato à viagem do ministro dos Portos, Leonidas Cristino, que não teria se manifestado sobre o nome de Bruno Pinheiro, militar aposentado, cotado para o cargo.

Mas a bancada não quer homologar o nome dele. “Se for para o órgão será à revelia dos parlamentares”, completou a parlamentar. A bancada capixaba já fechou questão em torno do nome de Osmar Rabelo para a presidência da Codesa, mas o ex-superintendente do Portocel e ex-funcionário da própria empresa pública não quis comentar o assunto.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: