Skip to content

POLÍCIA FORTE PARA OS FRACOS

2 de junho de 2011

Um oficial da PM dos tempos em que a corporação tinha preocupações em ser cidadã e voltada aos interesses comunitários, em constante diálogo com a sociedade organizada, resumia como via a própria instituição: “Polícia forte para os fracos”. Utilizo a frase para dizer que governo fraco precisa de polícia forte para vigiar e punir.

Algo de podre anda rondando o reino da Dinamarca há muito tempo. A caixa preta dos transportes coletivos desafia a inteligência dos mais lúcidos. A estudantada sempre foi uma caixa de ressonância de insatisfações sociais, mas parece que o governo socialista-petista do Espírito Santo está longe de saber antecipar-se aos conflitos iminentes.

Primeiro, foram os incidentes em Aracruz, com a utilização da força máxima para retirar 1.500 moradores de um cojunto de casas construídas com dinheiro público; agora, o uso da força máxima contra estudantes. Se os integrantes do governo acham que sua polícia não exagerou, examinem as imagens dos policiais atirando bombas de efeito moral dentro da área federal da Universidade. Daqui a pouco estarão lá dentro do campus.

Repito: polícia “forte” é coisa de governo fraco. A polícia do governo do socialista Renato Casagrande está agindo nos moldes da polícia da ditadura militar. Alguma coisa está errada.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: